Para ter calafrios – “Carrie”

Tirei as férias de julho pra acabar com a sensação de falta de leitura que estava nesse semestre. Já faz um tempo – muito, por sinal -, que me perguntam direto se eu curto Stephen King, mas a verdade é que eu nunca tinha lido algo dele. Como eu já estava com muita vontade de ler, principalmente depois de ter assistido “O Iluminado”, com direção do Kubrick e baseado no livro dele,  foi fácil escolher um livro dele pra ler nas férias.

Li “Carrie, a estranha”. Eu confesso que não achei que fosse ser tão interessante, mas o livro é incrível! Li inteiro em dois dias e fiquei muito revoltada quando terminei, porque queria mais.

O livro conta a história de Carrie White, uma garota criada pela mãe em um ambiente de fanatismo religioso. Privada de muitas coisas e sendo motivo de piadas na escola, Carrie vive uma vida solitária demais para uma adolescente, até que é convidada para o baile.

A narrativa do livro segue um estilo que eu nunca tinha visto antes, e que talvez seja o que tanto me encantou. Stephen King escreve de uma maneira bem simples e de fácil leitura, sem deixar de lado a descrição das cenas. Logo no começo da história, o leitor já descobre que algo aconteceu durante o baile de formatura de um colégio americano e, no meio da narrativa, são citados trechos de livros fictícios escritos por personagens da trama, assim como trechos de inquéritos policiais sobre o ocorrido.

Pra quem gosta de terror e ambientes mais mórbidos – que talvez sejam a minha grande paixão no que diz respeito a literatura -, o livro é uma escolha incrível de leitura que vai te deixar com vontade de ler de uma vez só. Recomendo e muito!

E se você prefere uma coisa mais visual do que leitura, existe o filme “Carrie”, de 1976 e com direção de Brian De Palma, baseado no romance.

Eu não gostei tanto do filme. Talvez, porque tenha gostado demais do livro e achado que a adaptação para cinema pecou em algumas cenas, mas ainda assim vale a pena assistir, ainda mais com a linda da Sissy Spacek interpretando o papel principal e a participação (fraca, ok, mas válida também) de John Travolta, em um de seus primeiros papéis no cinema (ainda antes da participação histórica como Danny Zuko em Grease).

Sissy Spacek como "Carrie White"

John Travolta como "Billy Nolan"

Separei o trailer para vocês darem uma olhadinha:

Espero que gostem da dica, meninas! “Carrie”, tanto em livro quanto em filme, é uma ótima escolha para o frio que está fazendo neste inverno. Filme de terror numa noite fria é o que há!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s